segunda-feira, 27 de julho de 2009

Carlos Malta, marcante!


Nesse último fim de semana tive uma experiência única e maravilhosa.
Tenho um filho de 12 anos. Aos 9 entrou para um colégio de freiras que as aulas de música eram trabalhadas com flautas doces. João, meu filho, logo se interessou bastante e passou o ano encantado com o instrumento que ao soprar se traduzia em magia. Aprendia as partituras que sua professora passava e ia além: queria as partituras dos alunos das séries seguintes, que na teoria deveriam ser mais complicadas, mas o menino tirava de letra.
Ao fim do ano não deu outra: "Mãe, quero uma flauta transversa de Natal. Você me coloca na aula particular?"
Com todo aquele interesse é dificil dizer não. Procurei alguns músicos pela cidade, tirei opiniões, fiz contas e comprei a tal flauta transversa, pagas em 10 prestações em cinto apertado, mas valendo cada centavo. Na noite de Natal eu não sabia o que brilhava mais, a beleza prateada da flauta ou os olhos de um menino sonhador. Foi emocionante.
Flauta em mãos, vamos às aulas.
Breno Moraes era o professor. Rapaz dedicado a música, talentoso e com um carisma apaixonante. Ao final daquele ano a apresentação dos alunos de Breno arrancaram aplausos e lágrimas da mãe coruja que pode escutar seu filho 'soprando' Tom Jobim, Milton Nascimento, Luiz Gonzaga, Ary Barroso, Dorival Caymmi...
No meio de 2008 uma mudança de agenda do professor e a grana apertada da mãe coruja fizeram com que as aulas fossem interrompidas. João com 11 anos, querendo desbravar novas coisas, não se importou muito, mas volta e meia ensaiava sozinho o que já tinha aprendido, não deixando esquecer, sabendo que um dia a flauta voltaria com força em sua vida.
E voltou. Bem mais cedo do que imaginava.
Julho é mês de Festival de Inverno do Sesc em Petrópolis.
De olho no site do sesc a cada dia todos esperam a programação sair para aproveitar música, teatro, literatura, dança de altíssima qualidade e, o que é melhor, de graça. Os olhos passeiam por nomes famosos, mas um em especial chamou minha atenção: Carlos Malta. Não tive dúvidas, passei a mão no telefone, me informei de tudo, corri ao Palácio Quitandinha e fiz a inscrição de João para uma Oficina de Flauta com Carlos Malta.
Antes de continuar a história preciso contar quem é Carlos Malta para os mais distraídos.

"Grandes ventos, grandes sons, o sopro do Brasil, original e criativo, com uma música exuberante e arrebatadora. Compositor, instrumentista, arranjador e professor, é um dos principais nomes do sopro brasileiro em atividade. Começou a tocar profissionalmente aos 18 anos, e passou 12 anos acompanhando Hermeto Pascoal em seus shows. Outros músicos com quem tocou foram Egberto Gismonti, Pat Metheny, Ernie Watts, Gil Evans, Marcus Miller, Charlie Haden, Wagner Tiso e Nico Assumpção. É um dos mais requisitados em gravações, tendo tocado em discos de Lenine, Paralamas do Sucesso, Leila Pinheiro, Marcos Suzano, Caetano Veloso e outros. Toca diversos tipos de flauta, desde flauta-baixo até pifes, passando por modelos orientais e indígenas, feitos de bambu. Também domina a família dos saxofones, tendo aprendido quase tudo por conta própria. Tocou nos festivais de Cannes, Montreal, Hamburgo, North Sea, Paris, Vancouver. Hoje está com o grupo Pife Muderno fazendo releituras contemporâneas das bandas de pifano, viajando pelas raízes nordestinas com uma fluência que entusiasmou músicos de peso como Alceu Valença. O grupo conta ainda com a flautista Andrea Ernest Dias e a percussão de Marcos Suzano, Oscar Bolão e Durval Pereira, e executa um repertório que tem Luiz Gonzaga, João do Vale, Edu Lobo, Caetano Veloso, Guinga, Aldir Blanc, e Hermeto Pascoal, além do próprio Malta. Em 2000 foi indicado ao prêmio Grammy Latino na categoria Raízes."

João foi fazer a oficina e a mãe coruja, é claro, foi assistir. Foi um dos momentos mais felizes da minha vida. Meu filho, ali, com flauta em punho, tocando com Carlos Malta. "Toca aí, João" dizia Malta. E João tocava. E Malta sorria. Foram 4 horas de workshop onde poucos 'aprendizes' puderam entremear pelos pifes, flautas e ainda a percussão do Pife Muderno. Puderam presenciar o 'escultor dos ventos' tocando Ponteio de olhos fechados, bem pertinho. Era quase divino. Os olhos de quem estava ali para aprender e admirar não piscavam, as bocas não fechavam. Era difícil até respirar com medo de perder alguma coisa.
E para encerrar dois dias de 'trabalho duro', o show. Aí é sem comentários!!!
O palco fica pequeno para tanto talento. É uma explosão de sons e ritmos, onde não dá para saber se é hora de aplaudir ou de chorar. Bem, eu fiz os dois ao mesmo tempo...
Esse fim de semana será inesquecível para mim e tenho certeza, para todos que estavam presentes nesse momento abençoado pelos deuses da música.

A prova do crime... - João Victor com Carlos Malta
e com Andrea Ernest Dias.




31 comentários:

Juliana Lima disse...

nossa adorei se blog!

e as musicas então..super legais! eu não conhecia!

parabens, estou te seguindo!

beijos

Tiago Dadazio disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Juh Borges disse...

muito legal o seu blog. Parabéns!
qualquer hora passa lá no meu , beijoos ;*

Rodrigo Selback disse...

Parabéns
Ao ler seu post lembre de uma frase q eu gosto muito de uma campanha publicitaria que dizia "bom mesmo é ter historias pra contar"

Tainan Lima disse...

olha, não vou elogiar o Blog (afinal é bom mesmo) mas o Carlos Malta é muito bom, fui em uma apresentação dele aqui em sampa e foi a melhor experiência da minha vida ! a oficina deve ter sido show de bola mesmo !

Café Expresso. disse...

Que programa mais maravilhoso, adoro essa diversidade, queria morar em uma cidade que tivesse esse tipo de atração.
Cultura é tudo e poucos se dão conta disso.

Passe nos meus...
http://aindamaisestorias.blogspot.com

http://blogcafeexpresso.blogspot.com

Bruno R.Ramos disse...

Fera mesmo o cara. Todo o sucesso pra ele...

Bruno R.Ramos disse...

Fera mesmo o cara. Todo o sucesso pra ele...

Wanessa Lins disse...

Poxa, muito fera mesmo! Adorei, não o conhecia!
Sempre bom curtir assim.


;**
Beijoos


http://wanessalins.blogspot.com

Euzer Lopes disse...

Mãe coruja.
Mãe zelosa.
Mãe exemplar.
Mãe dedicada.
Ah, não importa o complemento nominal. Soa como pleonasmo vicioso.
Esta mãe é apenas e tão somente MÃE.
Fazer o que fez pelo filho qualquer mãe digna destas três letras faz.
E esta mãe fez.
Precisa complemento? Certamente não.
Parabéns, mãe!

Renata, obrigado pelo delicioso (como sempre) comentário em meu blog.

Ana disse...

pensando q qdo era criança fazia flauta e piano... pena q não levei adiante...
bjssssss

Ugly Dréh disse...

adorei tudo isso... quando era criança toquei flauta doce na comunidade hippie q nasci, adoro. mto lindo.

http://pinkfashiondrag.blogspot.com

Géssica Santiago disse...

Seu Filho é lindo!
E Flauta é a coisa mais linda do mundo também!!!
Nossa, muito bonito seu filho desde pequeno se interessando por música. Realmente lindo!!!
E que sortudo de conseguir ir à oficina!!!

*-*

Beijos!

Miss Lou B. disse...

Nossa, Rê!! Que maravilha, menina!! Fico feliz por você apoiar seu filho! Se fosse outra mãe imcompreensiva, certamente diria que músico no Brasil não tem futuro. Oportunidades somos nós que fazemos e você as fez junto com seu filhote! Invista no talento dele: certamente você não se arrependerá!;)))))))

Avassaladoras Rio disse...

Querida amiga avassaladora...
Que filho lindo!!!!
Esse vai deixar muitas maes de cabelos brancos antes do tempo kkk
Bem vinda a nossa CAMPANHA DIGA NÃO AO CALOTE!
Divulgue entre seus amigos blogueiros, vamos moralizar a blogosfera e expulsar os caloteiros

Miss Lou B. disse...

Oi, Rê! Recebi uma espécie de "Corrente", divulgação ou chame como quiser que traz as seguintes informações:
.
"Depois das declarações do Lula sobre 'mulher deve ser dengosa com o seu homem, senão ele põe o cuecão e volta a dormir'...
Depois da ministra do turismo, a dona Marta Suplicy mandar a população que perde voos , 'relaxar e gozar'...
Depois que o Renan Calheiros, usou seu dinheiro (do seu imposto, caro contribuinte) para pagar suas escapadinhas de um casamento monótono...
Depois do irmão do Lula virar apenas 'ingênuo', quando confabulava nos bastidores para se apropriar da grana alheia...
Depois de tanta gente ficar impune e até reeleita como o Valdemar da Costa Neto e outros...
.
TEM CHEIRO DE PERIGO NO AR!!!
.
Independente do partido político a que vocês simpatizem essa notícia é preciso divulgar e se indignar, pois voltar a ditadura será o fim da picadanesta altura de nossas vidas!!!
Realmente estamos sob novo AI-5, neste governo do Lula.
O Boris Casoy foi calado, despedido por ordem do Lula. Agora, o Jabor foi processado, condenado, calado por ordem do Lula. É um escândalo!!!
A imprensa divulgou a sentença que condenou o Jabor a pagar indenização pordanos morais, dois dias antes do Juiz assinar a sentença. Agora o Jabor foi calado na CBN. O Diogo Mainardi, além de processado, sofreu ameaças de morte no jornal doMR-8 (da base aliada do Lula).
Há Medida Provisória enviada pelo Lula ao Congresso, instituindo a censura-prévia aos programas de rádio e TV. CENSURA PRÉVIA inclusive aos programas jornalísticos.
Os censores já estão nomeados. São muito jovens com a participação de estudantes da Universidade de Brasília (todos Petistas é claro). Agora só faltam as torturas e desaparecidos.
.
Vamos denunciar isto pela Internet e por todos os meios que pudermos. Arnaldo Jabor foi expulso da CBN!!! Por favor, repassem para todos que puderem!!! VAMOS REPASSAR!!!! NÓS BRASILEIROS E PATRIOTAS, DEVERÍAMOS SER 160 MILHÕES DE JABORES PARA GRITAR CONTRA ESSA BADERNA POLÍTICA E TANTOS DESMANDOS QUE EXISTEM NOSPODERES DA REPÚBLICA! Tem cheiro de ditadura no ar!!! Leia o comentário de Dora Kramer, Estadão de Domingo: 'A decisão do TSE que determinou a retirada do comentário de Arnaldo Jabordo site da CBN, a pedido do presidente 'Lula' até pode ter amparo na legislação eleitoral, mas fere o preceito constitucional da liberdade de imprensa e de expressão, configurando-se, portanto, um ato de censura.' Em outro trecho: 'Jabor faz parte de uma lista de profissionais tidos pelo Presidente Lulacomo desafetos e, por isso, passíveis de retaliação à medida que seapresentem as oportunidades!'
.
ESSE TEXTO DEVE SE TRANSFORMAR NA
MAIOR CORRENTE QUE A INTERNET JÁ VIU!!!"
.
---------------------------------------------------------------
Se possível, gostaria que você enviasse a quem pudesse. Não sou partidária alguma: apenas contra quem está administrando mal os meus bens lá daquele Palácio do Governo de Conto de Fadas. Se quiser emitir opinião sobre isso, acharia interessante porque me interesso pelo seu ponto de vista. Grande abraço!!o///

L.J disse...

é maravilhoso vc incentivar o seu pequenino a fazer esse tipo de atividade extracurricular, isso ajuda tanto no desenvolvimento intelectual da criança... ainda mais atividades relacionadas com a arte, no geral... daqui a pouco ele vai estar compondo as próprias músicas :)

Bjos

Rosangela A. Santos disse...

Adorei a postagem a musica tudo .. parabéns até eu fiquei meia boba .. srsrsrs

Abç

Rosangela A. Santos disse...

Adorei a postagem a musica tudo .. parabéns até eu fiquei meia boba .. srsrsrs

Abç

FabioZen disse...

Legal mesmo,tanto a narrativa como o tema.Parabens pelo blog!

30 e poucos anos. disse...

eeeee mãe coruja...que orgulho heim?
Tenho uma filhata de 11 anos e sei bem como é.

Wander Veroni disse...

Oi, Rê!

Nossa, que bonito esse seu relato. Ver o talento de um filho brotar de frente aos nossos olhos deve ser uma sensação muito boa. Nem o conheço e já fiquei aqui todo coruja, imaginando o som da flauta! Parabéns pelo texto!

Abraço,

http://cafecomnoticias.blogspot.com

Renan Barreto disse...

Nossa! filho talentoso! Que ótimo! O garoto provou que tem talento, então tem que botá-lo nesse caminho mesmo para quem sabe tocar no municipal?

bjo

Valeu!!!!

PanPum Flûor disse...

haha muito legla :D
que bom que ele gostou :d

quando era menor, odiava, pq era obrigado X:

mas agora adoro tocar, mas so sei flauta doce e gaita XD

mas é muito legal :D
Carlos Malta é show *.*

Bárbara Moreira disse...

imagino como você se sente, muito legal ver alguém que a gente gosta se dar bem. :D

Moça do Fio disse...

Êita!! Parabéns, menina!! Que delícia ver o filho assim, brilhando. Imagino como cê deve ter ficado emocionada.
Você merece toda esta alegria. Beijos.

PS: Teu filho é lindo!!

Martha Moça disse...

Ai Re... que bonito!! ^^
nossa, fiquei muito feliz por vc e pelo Joao (o vascaíno mais querido! hahaha), que é um fofo!! me deu uma supervontade de dar um abraço nele!! #) Manda um bjo por mim, pelo menos... e diz pra ele continuar pegando firme! MUSICA é tudo!!! Flauta é demais!!

Essas oportunidades sao únicas e incríveis!! realmente nao da pra perder!! ainda bem que o joão tem uma maezona coruja, superantenada e sagaz pra incentivá-lo!!

Parabéns, Re!! ;)
Bjão!!!

Tiago Dadazio disse...

MUITO BOM HEIN? :D

Tiago Dadazio disse...

O CARA É FODA!

Caio Reis disse...

Pra mim, a flauta é um dos instrumentos mais bonitos. Eu adoro o som que ela produz. Me faz lembrar rituais indígenas, místicos. E Carlos Malta é mestre. Adoro.
Ótima postagem! Abração

Elcio Tuiribepi disse...

Oi Renata, não é que minha filha por uns tempos aprendeu um pouco de flauta também. Hoje ela cismou que quer aprende a tocar gaita, grana curta tbm...rsrs...compramos uma para começar, mas apesar de ser um som muito bonito, não é nada fácil, exige muito treino. Falta por aqui um professor...
Imagino sua emoção, é mesmo muito bom sentir isso na pele e nos ouvidos...
É isso aí, continue sempre incentivando, acendendo a chama da arte dentro dele...
Um abraço na alma...bom fim de semana