sábado, 18 de dezembro de 2010

Então é Natal...


As mais doces lembranças que uma pessoa pode ter do natal eu tenho. Desde os passeios pela cidade atrás do Papai Noel, sua chegada em helicóptero no Relógio das Flores, até a manhã do dia 25 quando finalmente os presentes eram abertos.

No dia 24 todas as mulheres da família enchiam a cozinha com os mais diversos aromas, cores e sabores. De família espanhola, o polvo se fazia presente sempre e era uma festa ver minha mãe mergulhá-lo no caldeirão de água fervente e a cada mergulho ver seus tentáculos enrolando, como se formassem cachos para a noite natalina. As rabanadas ficavam por conta das avós e as crianças podiam ir matando a fome com as nozes, avelãs e amêndoas. O mau exemplo de meu pai ao quebrar as nozes posicionando-as na porta aberta e fechando para espatifar sua dura casca era motivo de gargalhadas dos filhos e repreensão de minha mãe. Mas quem obedece a repreensões acompanhadas de sorrisos?

Os portões da casa ficavam abertos e os vizinhos entravam e saíam por todo o dia. Meu pai, uma pessoa muito querida no bairro, fazia questão de receber a todos. Vinham trocar abraços e votos de boas festas e tomar uma taça de vinho. Os motoristas e cobradores das linhas de ônibus do meu bairro eram presenteados com pequenas lembranças por meus avós.

A mesa da ceia era montada na garagem. A família não era grande, mas os convidados iam chegando e todos eram acolhidos com festa. A toalha branca feita sob medida para mais de 20 pessoas era caprichosamente estendida pela minha mãe. O aparelho de jantar usado apenas nessa data, juntamente com os copos de cristal, eram posicionados delicadamente e tudo parecia perfeito. Ceia farta, vinho e, hummm, sobremesas... meia noite se fazia uma oração e finalmente jantávamos.

Pela manhã, corre, acorda o irmão mais velho e descobre a grande árvore de natal colorida repleta de presentes: Papai Noel esteve ali. Ele não faltava nunca!!!

Não, não é apenas uma crônica! Meus natais eram assim. E quando tive meus filhos, o cuidado para que eles tivessem o mesmo foi enorme.

Hoje não tenho mais meu pai aqui comigo. Para uma enorme tristeza, faleceu num dezembro desses em que planejávamos as festas de fim de ano. A casa ficou cinza e naquele ano não houve festejos.

Mas a vida continua e hoje posso proporcionar aos meus filhos tudo que meu pai me proporcionou. Toda expectativa da noite feliz, toda alegria dos presentes e da mesa farta e mais que isso, toda a solidariedade que pessoas de bem que convivi minha vida inteira me ensinaram, repasso para eles.

A noite feliz, só é mesmo feliz se somos capazes de lembrar seu real significado e capazes de espalhar amor ao próximo em toda sua plenitude.

Um grande e especial Natal a todos!

25 comentários:

ღ Sensivity ღ disse...

Querida, um feliz natal para você. Saiba que você foi um dos presentes que eu ganhei nesse ano. Mesmo não te conhecendo pessoalmente, eu sinto a pessoa do bem que você é. Continue assim. Beijinhos.

Espaço Aberto disse...

Obrigada por sua bela participação!

Seu link já está lá para receber as visitas e confirmando a sua inscrição.

Um grande abraço carinhoso

William disse...

Olá Rê,
Um bonito depoimento da importância que o Natal representa pra você e sua família.
Desejo a todos também, um Feliz Natal e um excelente Ano Novo.
Beijo.

Grazyela Machado disse...

Antes de mais nada feliz natal!
e concordo com suas palavras o verdeiro sentido dessa natal é complexa, e a "noite feliz" só é real com a lembraça do seu real significado! bjssssssss

Betty Gaeta disse...

Oi Rê,
Eu tenho boas lembranças do Natal, até os meus 7 anos de idade, qdo saiu uma briga em família, que esparramou a parentada toda. Ficou meio "Parente é Serpente".
Bjkas e uma semana maravilhosa para vc.

http://gostodistonew.blogspot.com/

Estilo For Man disse...

eu fico tão bobinho no natal, essa época me emociona tanto poxa

Adorei o seu blog *-* Adorei demais o post.


ESTILO FOR MAN- um blog dedicado para o público masculino com tendências e bem estar.

Visite-nos http://estiloforman.blogspot.com

Adriano Villa disse...

Ola, td bem? Sim, estou vivo... hehhehe... Poxa, vim te visitar para comentar algo bacana, mas fiquei sem palavras... lindo... não sei o que dizer... Eu sou completamente ao contrário... Acho que vou escrever um texto lado b ao seu... fui tocado... me veio a idéia agora... bjs e que texto lindo...

Carmem L Vilanova disse...

Um conto de Natal lindíssimo...
e que linda participação em mais um concurso literário do Espaço Aberto.
Parabéns!
Beijos, flores e muitos sorrisos!

legalmente loira... disse...

querida rê,
saudades!!
lindo conto de natal....
beijos.

Solange disse...

ai que lindo Re!!!
obrigada por compartilhar conosco..
eu me senti junto de todos voces nesta noite cheia de encanto..
FELIZ NATAL!!

bjs.Sol

orvalho do ceu disse...

Olá, querida
Eu tive também belíssimos natais... sempre com o encanto do Papai Noel...
Não tínha cunho religioso mas a sua descrição do seu Natal foi bem parecida com a minha na infância...
Teve alegria e pudim com ameixas... abacaxi regado no vinho doce... dentre outros que me marcaram pelo aspecto emocional até hoje... Saudades me trouxeram seu lindo post!!!
Coisinhas de papai...
Bjs festivos

Néia (Dulci) disse...

Rê, quantas lembranças boas vc tem para guardar e partilhar.
Feliz Natal para vc também, que seja cheio de paz e muito amor no coração.

Thaty disse...

Que delicia de natal Rê. Ao ler seu texto ja comecei a sentir o cheiro da comida, a ouvir as risadas. Que bom que eu vim aqui...

PS: Mto Obrigada pelo seu comentário.. Boas Festas e um lindo 2011 para todos nós.

V. disse...

Que bonito, Renata. Lendo seu conto, lembrei-me de 'O peru de Natal', do Mário de Andrade. Se tiver curiosidade, procure-o depois. É lindo.
Gostei muito da parte em que você diz que que hoje proporciona a seus filhos tudo que seu pai lhe proporcionou. ;-)

Um beijo e um Feliz Natal. Fique com Deus, você e sua família.


PS: Adoro seus comentários.

Marcos de Sousa disse...

Linfdos eram o seus natais. E falando em Natal, boas festas para ti.

Beijos

Flávia - Compartilhando Idéias... disse...

Oi querida,

Lendo seu post, fui criando uma linda imagem na minha mente agora, como um filme.
Tive minhas noites de Natal com minha família, mas nada que se compare à sua.
Parabéns por ter tido a chance de ter uma infância tão linda.

Bjs

legalmente loira... disse...

querida amiga,
"Que neste Natal
Aquela magia toda guardada durante todo o ano
Venha presente nos corações daqueles que festejam o amor.

Que não apenas seja uma comemoração,
Mas um início para uma nova geração.

O Natal simboliza nova vida,
Pois nele comemoramos o nascimento do Homem
Que modificou a nossa maneira de ver o mundo.
Trazendo-nos amor e esperança.

Que neste natal sejam confraternizados todos os desejos
De um mundo melhor.

Que todos estabeleçam um novo vigor de humanidade.
E que nada seja mais forte do que a união
Daqueles que brindam o afeto entre eles."

Feliz Natal
COM CARINHO DA LOIRA....

Paulo Tamburro disse...

OI RENATA,

que lindo texto:nostálgico, verdadeiro e, realmente com gosto de Natal!

Emoção à flor da pele.

Você sempre se superando!

Retribuo seu votos de Feliz Natal e que 2011 seja o ano da professora/atriz:RENATA.

Deus irá abençoa-la.

Um grande abraço carioca.

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

Natal é sempre uma data especial. Lembro qdo o Papai Noel (Minha Mãe), me deu um castelo de Lego, nossa como eu fiquei feliz com aquele presente.

É mto legal, ver os olhinhos das crianças, qdo encontram o presente do Papai Noel, essa magia tão lúdica é algo que qro passar para os meus filhos.

Em tempo, eu tb quebrava as nozes na porta...rs

Feliz Natal e um prospero ano novo!!!

Margot Félix disse...

Olá, Renata...
vim retribuir seus votos de Feliz Natal. Muito obrigada!
Tenha um Ano Novo de muita Luz e Paz!

Foi ótimo conehcer seu blog nesse ano que passou.

Um forte abraço!
Margot

William disse...

Hoje não poderia ser outro comentário.
Passo para lhe desejar um Feliz Natal e que 2011
lhe traga muita paz, alegria e felicidades.
Abraço

William

JoeFather disse...

Ei Re, muita linda sua participação! Abraços renovados e boas festas!

Elcio Tuiribepi disse...

Oi Renata...que legal que resolveu participar...obrigado pela presença lá no Espaço e boa sorte...rs

Natal,

Nesta época há algo diferente na humanidade, em todo mundo, em todos os lugares, as pessoas ficam mais solidárias, mais humanas, mais presentes! por que será?

Acho que é porque a maioria das pessoas abriga Deus no coração...

Um Feliz Natal para você e toda a sua família...

Um abraço na alma

Beijo

Elcio Tuiribepi disse...

Oi Renata...

Natal,
Nesta época há algo diferente na humanidade, em todo mundo, em todos os lugares, as pessoas ficam mais solidárias, mais humanas, mais presentes! por que será?

Acho que é porque a maioria das pessoas abriga Deus no coração...

Um Feliz Natal para você e toda a sua família...

Um abraço na alma

Beijo

.:. Cep próprio .:. disse...

Rê,

Creio que você é uma pérola que encontrei nos idos do Manufatura-Nova, 3 anos atrás, e até hoje mantivemos contato. Isso pra mim faz uma diferença in-crí-vel. Ter recebido seus votos de um Natal abençoado, também, faz MUITA diferença,principalmente devido ao período que tenho passado (após um namoro de 5 anos e 4 meses fui traída e a pessoa ainda terminou comigo via msn e com uma postura muito covarde). Enfim, sinto-me como uma fênix ressurgindo das cinzas, sabe? Porque agora, mais que nunca, começo a perceber de maneira MUITO nítida como estive com a pessoa errada por tanto tempo. Enfim. Reze por mim, pra que esse período de "luto" passe logo e a fênix aqui ressurja pronta pra outra, nem digo namoro, mas pronta pra mim. Tenho um carinho enorme por você e desejo um Natal e um Ano-novo abençoados até transbordar de tanta benção na sua vida e na da sua família :)

Nanda ;*