domingo, 30 de janeiro de 2011

O Ócio Canalha

É aquele tipo parasita, sanguessuga, ordinário, oportunista, quase vigarista que envergonha a sociedade humana

Espertalhões trabalham de terça a quinta, tem férias de 90 dias, licença liberada e remunerada. Passagens aéreas PAGAS, moradias PAGAS, correspondência PAGA, combustível PAGO, comidinhas, drinks e putarias PAGAS!

Amantes liberadas...

Suplentes oportunistas, gente que foi gerada no esgoto do inferno!

Mas esses ociosos parasitas nacionais, essa corja ociosa típica das câmaras e do senado das terras brasilis tem seus momentos de ação! Olha a consideração. Bastam ouvir as palavras VERBA, propina, bufunfa, money, grana, armação, lavagem ou troca-troca, TRAGÉDIA COM MUITOS MORTOS. Neste momento está garantida as suas inúteis existências. Com lágrimas de crocodilo e doações alheias a festa vai começar!!!

Tragédia tem haver com: verbas liberadas imediatamente sem controle, com a certeza de desvios ociosos que garantam futuro com mais mortes, mais verbas, vezes mais tragédia e ociosamente nada acontece a não ser com as verbas.

A corja ociosa dos Politics of the Brazil se organiza: aumentam seus salários em 62%! Uuaauuuu!!! Em menos de 8 horas deputados e senadores são fast quando se trata de votar seus próprios salários. 99% votaram a seu favor e somente um votou contra?

- Hummm... acho que foram 6 ou 7....

- Nossa, quanta diferença, hein!!!

Viva a corja nacional anormal, sem ética, nem moral!!!

Canalha profissional.

Ordinários, ociosos, impunidade garantida e muito, muito, muito, muitoooooo dinheiro de volta.

Orações com propina nas mãos!

Ociosos vadios, similar no mundo não existe não!

Na historia da humanidade nem os gregos nem os romanos poderiam imaginar gente tão ociosamente ordinária como The Politcs of the Brazil. Com todo respeito aos 3,7 ou 6,1% honestos, grandes idealistas, exemplos geniais. Saudades de homens sensacionais, de Ulisses e de Darcys...

ACORDA ALICE!!!! Uma andorinha só não faz verão!!!!

A não ser quando ociosos governadores conseguem salários fabulosos de aposentadoria integral. Safados, ordinários, cara de pau: Trabalham quatro aninhos e... MILIONÁRIOS PARA SEMPRE!!!

Gente... Se esses políticos tivessem mãe, por que nome vocês os chamariam?

FILHOS DA PUTA!!!! - com todo respeito as putas.


* Texto de Fernando Vianna

O Ócio Canalha faz parte do espetáculo 'Quem Roubou Meu Futuro?' que está em produção com estréia prevista para esse ano.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Mayo em Mim


Bem vindo de volta amor

Desfaça as malas

Me dê um abraço

Se aninhe em meu colo

Deixe todo seu cansaço

Me conte seus planos

Seus dias, seus casos

Abra a porta da vida

Pra que eu siga seus passos

Bem vindo de volta amor

Espero que fique

Que faça de mim o seu lar

Seu porto seguro, seu mar

Se envolva sem medo de amar

E possa as feridas curar

Bem vindo de volta amor

Pelo menos me ligue

Pra eu saber como está

Pra saber como estou

Pra saber que a vida

É mais sua que minha

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Mais uma vez, luto em Petrópolis.


Luto por toda a Região Serrana do Rio de Janeiro. E digo mais uma vez porque sendo moradora vejo isso acontecer ano após ano e só vai piorando.
Ontem passei o dia em casa acompanhando as notícias e a cada hora as imagens ficavam mais assustadoras e o número de mortos só aumentava. Nesse momento - 09:47h - o número de corpos encontrados é de 352. Muita gente desaparecida, pessoas que foram levadas pela enxurrada de água, lama, árvores, pedras...
Está dificil escrever. Muita coisa passando pela cabeça, mas dificil colocar em linhas aqui.
A ajuda as vitimas se faz necessário agora, entretanto a melhor ajuda deve ser feita ao longo do ano, com medidas preventivas para que tragédias como esta não aconteçam mais. A mobilização que se faz para ajudar a todos nesse momento tão dificil deve também acontecer para cobranças ao governo que simplesmente fecha os olhos em épocas de calmaria para o crescimento desordenado da cidade que vai tomando conta de encostas e beiras de rio.
Em 1988 a tragédia que matou 172 pessoas, aqui, na frente da minha casa, foi sanado com o reflorestamento do morro. Mas o número de casas 23 anos depois quase triplicou. E aí??? Haja reflorestamento para segurar tanta construção irregular. Cade a fiscalização? É isso.... é isso!!! Não há fiscalizaçao, não há preservação, não há prevenção, não há nada!!!!!
E agora, para muitas famílias, não há mais nada mesmo. Só dor!

Petrópolis

Teresópolis

Nova Friburgo

A Prefeitura de Teresópolis abriu uma conta exclusiva para receber as doações. Com o nome de “SOS Teresópolis – Donativos”, a conta corrente está disponível na Agência 0741-2 do Banco do Brasil, com o número 100000-9.
E a Cruz Vermelha e vários postos de arrecadação estão recebendo água potável, colchões, material de limpeza e higiene pessoal, alimentos não pereciveis e roupas pessoais, de cama e banho.

Choro pela minha cidade. Pelo descaso que ela sofre ao longo dos anos...

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Medidas Femininas


Recebi por e-mail e achei que as meninas que frequentam meu blog ficariam felizes se fosse verdade... rsrsrsrs
Imaginem???
As feministas que me perdoem, mas seria uma maravilha!!!

As 10 primeiras medidas que serão tomadas pela primeira presidente mulher da história do Brasil:

- Programa Luzes para Todas: Toda mulher terá direito a ir ao cabelereiro uma vez por semana.

- Saúde da Mulher: Aplicação de botox e implante de silicone em hospitais conveniados com o SUS.

- PAC – Programa de Aceleração do Casamento: nenhuma mulher poderá ser enrolada pelo noivo por um período superior ao de 12 meses.

- Ampliação de vagas para mulheres em estacionamentos. Aumento de até 30% no tamanho das vagas.

- Obrigatoriedade da comemoração de eventos como natal, ano novo e páscoa com os familiares da mulher.

- Criminalização de atos de violência doméstica contra a mulher como toalha molhada em cima da cama e tampa da privada levantada.

- Bolsa-bolsa: crédito mensal para que toda mulher tenha direito a comprar uma bolsa nova por mês.

- Medidas ambientais, como o bolsa-depilação: desmatamento para evitar o encalhe.

- Fone Zero: cada mulher terá direito a escolher 3 números de telefone para falar com tarifa zero. A preferência será para o telefone da mãe, da irmã e da melhor amiga.

- Programa Minha casa, Minha família: Dá direito a mulher a trazer a mãe para morar com o casal, assim como irmão desempregado e demais parentes (programa vetado para primas e sobrinhas vindas do interior).

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Um Dia de Chuva. Ou Fúria.


Aquela coisa romântica da chuva batendo na janela numa manhã fresca de verão em meio a edredons brancos, travesseiros de plumas, acordando de mansinho, só funciona em filmes, novelas e contos de fadas. Por aqui o despertador berra, quase se morre de susto e quando se vai a janela para ver como está o dia, um grito avassalador sai da garganta:

- Puta que Pariu, ta chovendo de novo!!!!

Mas nem dá tempo de se aborrecer tanto. Corre para resolver 798 coisas pela manhã com a certeza de que não dará tempo.

Com o pé fora do conforto de casa se descobre que a chuva é ainda mais sacana. É aquela coisa nem fina, nem forte, que vem com um vento de quebrar guarda-chuvas e molhar até a alma. Mas não tem jeito, tem que encarar. Andar até o ponto do ônibus já é uma aventura: é rezar para nenhum carro passar por aquela poça e te dar banho de água barrenta. Nessas horas se descobre que temos um lado malabarista, equilibrista, sabe lá. Segura a bolsa, a pasta, o guarda-chuva, o dinheiro da passagem, tudo isso no meio da ventania e o celular ainda resolve tocar. Aí é sacanagem. E não dá pra deixar de atender. Se pensa que dá para ver depois quem ligou e retornar a ligação, já era. Sem créditos!

E cadê aquela desgraça de ônibus que não vem nunca???

Dentro do ônibus é outra aventura: é passar na roleta com mil coisas na mão, tomar cuidado para não molhar ninguém com o guarda-chuva ensopado e conseguir respirar com todas as janelas do veículo fechado.

Quando acha que estará em segurança no centro da cidade embaixo de alguma marquise, se engana redondamente. O povo insiste em andar vagarosamente com o guarda-chuva aberto mesmo sob a proteção dos toldos coloridos das lojas.

Quantas vezes já mencionei “guarda-chuva” aqui nesse texto??? Odeio guarda-chuvas. Esses objetos de formas inconvenientes foram feitos para irritar profundamente qualquer cidadão de bem. E para travar aquelas portas giratórias dos bancos. Os mais espertos o esquecem em algum banco de táxi ou loja de conveniência, mas têm outros que insistem em usá-los para esbarrar nas cabeças dos transeuntes e quase lhes furar os olhos.

Conclusão, no primeiro compromisso do dia já se chega completamente molhado, despenteado, irritado e com vontade de matar alguém. E o dia só está começando. Já se imaginou às 5 da tarde? É quase suicídio. Ou homicídio. Sabe lá quem se vai encontrar pelo caminho, não é? Definitivamente dias de chuva não foram feitos para sair de casa. Não foram feitos para trabalhar, passear, ir ao banco, restaurante, viajar. Dias de chuva são feitos para ficar na cama, em meio a edredons brancos, travesseiros de plumas, olhando-a bater na janela ................................................................................

.......................................... Ahhh, lembrei! Isso é só para filmes, novelas e contos de fada!!!!

sábado, 1 de janeiro de 2011

Chegou!!!


Com frio, chuva, tímido, o ano de 2011 começou!!
Que traga boas energias, novas possibilidades, saúde e sorte, conquistas, muita paz no coração, trabalho, trabalho, trabalho e trabalho.
Quero isso.
Quero mais... Mas não ouso pedir, nem pensar. O que vier é lucro!
Bom novo ano para todos nós!!!